Humildade,Simplicidade e Compaixão- Dr. Edward Bach********** Humildade, Simplicidade e Compaixão- Dr. Edward Bach********** Humildade, Simplicidade e Compaixão- Dr. Edward Bach********** Humildade, Simplicidade e Compaixão- Dr. Edward Bach

domingo, 29 de maio de 2016

Reflorescendo Mariana - Abril e Maio



                                     Reflorescendo Mariana - Abril / Maio
       Os meses de Abril e Maio chegaram com muitas surpresas boas. O Projeto Terapia Floral Reflorescendo Mariana vem crescendo e com ele as flores pelos caminhos!

       Atualmente, as principais vias de trabalho do Reflorescendo Mariana vêm sendo O grupo de Atendimento em Barra Longa, subdistrito de Mariana (MG), e o Atendimento Domiciliar às famílias, em áreas espalhadas pela cidade. Esses dois caminhos realmente se firmaram e estão em expansão. Isso comprova que a eficácia da fórmula utilizada e a divulgação boca-a-boca vêm sendo nossas maiores aliadas. As indicações para a visitação com a Terapia Floral nas residências de famílias de Bento Rodrigues, distrito destruído pelo mar de lama que atingiu a cidade de Mariana (MG), com a queda da Barragem do Fundão, têm chegado por várias direções. Não que tudo esteja caindo do céu, mas conversando com um aqui outro ali, pouco a pouco vão surgindo pessoas pelo entorno. Um que ouviu e repassou pro outro, que conhece logo alguém que precisa do apoio emocional... e “lá se vai”.  É importante lembrarmos que Mariana é o principal núcleo de moradia oferecido aos que perderam absolutamente tudo de suas vidas, com a extinção de Bento Rodrigues.

Duas Famílias da cidade de Bento Rodrigues, recebendo atendimento domiciliar com a Terapia   Floral em Mariana. Casas alugadas pela Samarco.


       Até o momento, cadastramos 30 famílias que estarão recebendo mensalmente as garrafinhas com a fórmula floral elaborada por Sandra Epstein, pesquisadora do sistema Ararêtama. Os resultados estão sendo bastante positivos, permitindo que os florais sejam conhecidos e indicados para outros atingidos, muito rapidamente. “Estou dormindo muito bem e meu cabelo parou de cair. Obrigada, por tudo”. Este é um exemplo dos depoimentos que recebemos. Também conseguimos quatro voluntários para manter a distribuição da fórmula floral nas comunidades, durante os intervalos de nosso trabalho presencial. Duas pessoas em Barra Longa, uma em Mariana e a quarta, uma missionária que já está levando a fórmula para Gesteira, um dos vilarejos também atingidos. Nestes lugares mais afastados, o acesso é bem difícil e fica comprometido de acordo com o clima. A estrada é de barro e quando chove fica impossível chegar lá. Todos eles, anjos do caminho! Carol foi um dos enviados que nos chegou, na nossa busca árdua por atingidos. Ela tem sido uma parceira muito importante para o repasse dos florais junto às famílias.

Carol Sousa , estudante e moradora de Mariana. Voluntária na causa de captação de pessoas atingidas pela tragédia e de distribuição da fórmula floral.         




     Outra grande conquista deste bimestre, que nos deixou bastante otimistas, foi em direção ao núcleo de Terapia Floral que almejamos implantar na região. Nossa meta é capacitar moradores, que tenham certa relevância dentro das comunidades, de modo a garantir a permanência e o desenvolvimento da Terapia Floral por lá. Concordamos com o conselho de Sandra Epstein: “Uma coisa eu sei por experiência, o trabalho que não nasce de uma comunidade que a sustente, não cria mudança verdadeira. A filantropia é ok, ajuda, mas só transforma quando a comunidade assume. Senão morre. Não pode depender de você, se depender do teu sacrifício, morre”. Estamos certas de suas palavras e, claro, nos empenhando na construção de meios para manifestá-las. Ilma Albergaria é a 1ª representante deste lindo projeto. Aceitou meu convite para fazer o Curso de Florais de Bach,  formação internacional da Healingherbs , que iniciei neste mês de Maio aqui no Rio. Ilma, é uma guerreira que vem ultrapassando várias dificuldades para realizar o objetivo de ajudar, da melhor maneira possível, sua comunidade.


Ilma e Eu na casa da sede da RioFlor. Maio de 2016

      Em Abril, saímos de Mariana com mais uma esperança no coração. Um contato nos indicou uma reunião com famílias de Paracatu, mais um dos vilarejos atingidos. O encontro aconteceu neste mês de Maio e, para nossa satisfação, todas as famílias aceitaram as garrafinhas com os florais. Nosso próximo passo: elaborar o modo de dar seqüência aos atendimentos com estas famílias já cadastradas. Seja através da formação de novos grupos terapêuticos ou pelos atendimentos domiciliares. Dependerá das oportunidades que surgirão. Outras fontes nos encaminharam para escolas onde estão estudando as crianças de Bento Rodrigues e Barra Longa; tentaremos acionar famílias por lá também.
        Particularmente, minha passagem por Mariana é sempre muito corrida e intensa. A viagem é longa e a rotina de trabalho bem puxada, ao longo dos dois dias que posso estar lá. No entanto, o cansaço é vencido pelo prazer de ver o projeto Reflorescendo Mariana avançando e colaborando com tantas vidas. Por esse motivo, aproveitamos para agradecer a todos que generosamente vêm colaborando mensalmente com a nossa campanha: Doe 10,00 mensais e ajude a Reflorescer Mariana. Sem este apoio, seria muito difícil seguir. E, mais uma vez solicitamos sua contribuição e a colaboração na divulgação da mesma. Através desta simbólica doação, você estará ajudando a levar amor e nutrição emocional a estas pessoas tão fragilizadas e a uma região que vem progressivamente sentindo os enormes prejuízos deste desastre ambiental. Nosso especial agradecimento à nossa mais nova parceira no projeto: Bete Nogueira, que nos ofertou com uma Página no Facebook : Reflorescendo Mariana , e tem sido nossa assessora de comunicação e braço direito nesta empreitada, se dedicando com inteiro compromisso e respeito à causa. Eternamente gratas a você, Bete.
 Participe, sua contribuição é muito importante para nós, para Mariana & Minas Gerais e para o crescimento da Terapia Floral no Brasil.
Abaixo, segue imagem com informações complementares.




Um forte abraço em flores,
Daniella Oliveira - Terapeuta Floral e Holística - Diretoria de Trabalhos Sociais da RioFlor, Coordenadora da Terapia Floral na Rede Postinho de Saúde da Mulher/ RioFlor, Terapeuta Floral e Coordenadora do Núcleo de Terapias Integrativas e Complementares da Rede Postinho de Saúde da Mulher, atuando desde 2010, nas comunidades do Cantagalo, Pavão e Pavãozinho. Contato: 97149-0449
Para maiores informações sobre o projeto Terapia Floral Reflorescendo Mariana, Acesse:  site de Araretama ou Blog da RioFlor.
Ana Luicia Pedrozo - email: alpedrozo@uol.com.br
Daniella Oliveira – email: do.tnh@hotmail.com

Rio de Janeiro , 26 DE Maio de 2016.


sexta-feira, 25 de março de 2016

Projeto Terapia Floral Reflorescendo Mariana



 Projeto Terapia Floral Reflorescendo Mariana
 Fevereiro e Março de 2016

Retornamos à Mariana em 25 de Fevereiro. Nosso maior desejo, neste momento, era firmar um trabalho com as vitimas de Bento Rodrigues, Paracatu de Baixo e Barreto, distritos e povoados que foram praticamente extintos pela lama, com a queda da Barragem do Fundão. Conhecemos voluntários, no Centro de Convenções de Mariana, que estão atuando junto ao grupo das vítimas, e estes nos ajudaram com novos contatos.  Assim, chegamos à Previne, Unidade de prevenção de saúde da secretária de saúde de Mariana, onde está funcionando um núcleo de atendimento às vítimas das regiões atingidas. Em resumo, conseguimos conversar com a coordenadora geral de lá que logo aceitou nossa contribuição e imediatamente reuniu a equipe formada por médica, psicóloga, nutricionista e assistência social que ali atuam, para nos incluir no projeto com a Terapia Floral. Uma informação bastante relevante que nos foi passada por ela, é que já está comprovado o aumento no índice de alcoolismo e de alteração emocional em crianças das regiões afetadas. O trabalho com a Terapia Floral em Mariana também visa à contenção do crescimento destes índices. Saímos de lá felizes com uma sala reservada para os atendimentos mensais, a partir de Março.


Núcleo da Previne – Equipe de atendimento aos desabrigados.
No dia seguinte, Ana e eu fomos recebidas pela psicóloga Luiza Laura e o psiquiatra Leonardo, do Posto de Saúde de Barra longa, responsáveis pelo núcleo de saúde mental. Apresentamos nossa proposta que foi muito bem recebida e também fixamos o início dos atendimentos no município.  Nesta região, a procura por terapia é bem maior e a estrutura montada de saúde mental não está dando conta da demanda, que já aumentou consideravelmente após o desastre. Outra constatação bem triste é o aumento de medicações em adultos para conter as emoções e a utilização de psicotrópicos em crianças, por já estarem apresentando comportamento de pânico e depressão. Sem dúvida alguma, nossos corações balançaram muito com esta informação dada pelo psiquiatra responsável do posto, pois sabemos o quanto os florais podem ajudar neste setor. O próprio médico se manifestou interessado em 
experimentar o trabalho em conjunto com as essências. Nossa intenção agora é iniciar os atendimentos individuais e continuar desenvolvendo o grupo terapêutico iniciado em Barra longa, desde dezembro de 2015. Recolhemos informações bastante positivas de cada um e já estamos elaborando os relatórios.




Reunião em grupo com algumas vítimas do município de Barra Longa. Utilização dos florais desde Dezembro. “Tenho dormido muito melhor.”, “Não estou sentindo mais uma tremedeira que me dava.”
Ainda no mês de Fevereiro, conseguimos jogar a fórmula na terra e no Rio Carmo  que desemboca no Rio Doce , pela região de barra longa , com intenção de colaborar no revitalização de todo o meio-ambiente. Firmamos a parceria com Ana Liz, veterinária responsável pelos animas que ainda estão no galpão de Mariana e com a qual conseguimos o contato de uma médica homeopata paulista, que também vem nutrindo a terra e o rio com remédios homeopáticos, a serviço do mesmo propósito. Incrível e maravilhosa coincidência. Florais e Homeopatia unidos na reconstrução ambiental de nosso país! Parceria Perfeita!

 Alguns animais do abrigo, ainda sem donos.




  Acima Ana Lucia e Ana Liz (segurando a fórmula), médica veterinária responsável pelo abrigo dos animais retirados das regiões atingidas. 


 Neste mês de março, durante o atendimento na Previne pudemos constatar que melhor do que esperarmos pela procura da Terapia Floral, pouquíssimo conhecida e divulgada na região, será desenvolver o trabalho de visitação domiciliar. Tentaremos participar das visitas às residências, junto à equipe de saúde mental de Barra Longa e Mariana, para alcançar pessoas que moram em povoados mais afastados e onde o estresse pós-traumático parece já estar se manifestando, assim como o pânico e a depressão. A mais atual informação já inclui seis tentativas de suicídio. Um índice altíssimo para um povoado. Nossa meta é levar a essas pessoas tão fragilizadas o apoio necessário através da fórmula floral de Sandra Epstein, especialmente elaborada para esta tragédia ambiental e social, e tão gentilmente doada ao projeto.                         Principal parceria, maravilhosa e abençoada!
Já há algum tempo, estamos buscando uma parceria de trabalho com as escolas que agregaram as crianças das comunidades atingidas. Há relatos, de fontes seguras, que muitas delas já estão apresentando quadros de tristeza, desmotivação e ansiedade. Este mês conseguimos chegar à secretária de educação que abraçou nosso projeto com alegria. Este é um trabalho que particularmente minha alma ficará imensamente feliz em realizar! Estamos em fase de elaboração do plano de atuação. Desta maneira, certamente atingiremos todo o contexto familiar. Capacitar voluntários e tentar criar um movimento para o despertar do interesse na terapia floral em Mariana faz parte de nosso plano de metas. As escolas podem ser a porta para a manifestação do sonho de ampliar os horizontes da Terapia Floral no estado de Minas Gerais.
Hoje, menos ansiosas e mais confiantes no caminho construído através das flores,  cada vez mais percebemos que este trabalho de formiguinha, um a um, é o mais indicado para a Terapia Floral e, certamente, é um trabalho que reporta à sua essência. Para a nossa alegria e surpresa, nos têm chegado pessoas do grupo de atingidos por várias vias e, assim, o trabalho com os florais está se expandindo.      Como o tempo lá é curto, os encontros acontecem gradativamente e deste modo o projeto vai se estabelecendo, realizando seu grande propósito de minimizar a dor e o sofrimento dessas pessoas tão gravemente atingidas em seus direitos básicos, possibilitando às mesmas o apoio e a orientação necessárias para se reestruturarem e seguirem caminhando por estradas mais floridas, mais conscientes de si mesmas! Daniella Oliveira- Comissão de Trabalhos Sociais RioFlor
Aproveitamos para lembrar que nossa campanha foi lançada para que os trabalhos com a Terapia Floral em Mariana possam ter continuidade! Contamos com sua participação!
Projeto Terapia Floral Reflorescendo Mariana
Participe colaborando com apenas R$10,00 mensais
Mais informações sobre o projeto acesse: Newsletter Araretama: http://araretama.com.br/?p=4401gue ou  emails: do.tnh@hotmail.com  / alpedrozo @uol.com.br





quinta-feira, 17 de março de 2016

Parabéns, Rioflor!





A nossa querida RIOFLOR completa no dia 18/03, 12 anos de existência e trabalho em prol da

Terapia Floral.

 Nasceu em 2004, depois do I Conflor – Congresso Nacional de Terapia Floral,  onde essa ideia-

semente foi  lançada ao vento. Encontrou terra fértil em um grupo de terapeutas que abraçou

a ideia de se ter em nossa região uma associação que se preocupasse com os rumos da Terapia

Floral e que apoiasse o terapeuta floral.  Plantada,  a semente rapidamente germinou,  cuidada

por mãos dedicadas  e amorosas.  E assim vem sendo até hoje, quando já floresceu em muitos

projetos.

Junto com outras associações estaduais,  criou em 2010, o CONAFLOR, nosso conselho

nacional de autorregulamentação, que registrou seu Código de Ética, ferramenta importante

para a boa atuação do profissional em Terapia Floral. Por meio da Rioflor, foram aprovadas

duas Leis, no Estado e Município, para a inserção dessa terapia na saúde e educação do Rio de

Janeiro. Muitas são as dificuldades de implementação dessas leis, mas, o caminho está sendo

construído.  Passo a passo, com muita perseverança.

No âmbito social, participação em momentos de desastres e crises e atendimento em

comunidades que de outro modo não teriam acesso aos florais. Formação do terapeuta, com

cursos e palestra e eventos, como o ENFLOR, realizado em novembro de 2015. Está sendo

estudado, nesse momento, o Curriculo Mínimo para implantação de um curso de Formação de

Terapeutas Florais.

A Rioflor aceitou o desafio de realizar em março de 2017, o III CONFLOR – o congresso nacional

para discutirmos os rumos, desafios e necessidades da Terapia Floral e dos terapeutas.

É grande o trabalho realizado e a realizar. Apesar de curta, a história da Rioflor é de muitas

conquistas e vitórias. Para a continuidade dessas conquistas, é preciso a participação de cada

um. Que os terapeutas florais se associem e os associados participem das atividades, ajudando

a fortalecer sua associação.

Parabenizo nesse dia a Rioflor, todos os seus associados, e todos os membros de todas as

diretorias cujo trabalho trouxe a Rioflor ao lugar importante que ela ocupa hoje na Terapia

Floral, no Rio de Janeiro e no Brasil.

“Sei que meu trabalho é uma gota no oceano, mas sem ele, o oceano seria menor.”  ( Madre

Teresa de Calcutá)

domingo, 28 de fevereiro de 2016

CALENDÁRIO DE ATIVIDADES DA RIOFLOR - MARÇO E ABRIL 2016



MARÇO

04 e 05/03 - USO DAS ESSÊNCIAS FLORAIS NA FIBROMIALGIA - O CORAÇÃO SENTE O CORPO ADOECE
Ministrante: Rosângela Bittar
Horário: Sexta de 15 às 18h  e Sab de 9:30 às 17:30h

18/03 - ENCONTRO FLORAL

Convidado - Miguel Angel Farias
Tema:  Palestra Introdutória do Workshop - Participação Livre
"Cure sua Casa e Equilibre sua Vida"
Horário: 19 h

19 e 20/03 - APRENDENDO A USAR OS FLORAIS DE BACH HEALING HERBS
Ministrante - Lizete de Paula
Horário: Sab/Dom das 9 às 17h

21/03 - TAROT PARA TERAPEUTAS
Tema: Palestra Aberta Introdutória ao Curso 
Palestrante - Celia Gouvêa
Horário: 19h
O curso acontecerá às 2ªfs - das 19:00 às 21:30h

ABRIL

02/04 - WORKSHOP - CURE SUA CASA E EQUILIBRE SUA VIDA
Ministrante: Miguel Angel Farias
Horário: 09 às 17h

08 e 09/04 - WORKSHOP - O SISTEMA FLORAL DE SAINT GERMAIN- MÓDULO BÁSICO I
Ministrante: Rosângela Bittar
Horário: Sexta das 15 às 19h e Sab das 9:00 às 17:00 h

16 e 17/04 - APRENDENDO A USAR OS FLORAIS DE BACH HEALING HERBS
Ministrante - Lizete de Paula
Horário: Sab/Dom das 9 às 17h

29/04 - ENCONTRO FLORAL
Convidado: Cristine Essinger
Tema: Astrologia e Florais
Horário: 19 h

30/04 - REIKI I
Ministrante: Celia Gouvêa

Horário: 9 às 17h

Terapia Floral